maciel 80

Brasília-DF, 31/07/2020 - sexta-feira

MACIEL 80
José Alberto Couto Maciel faz hoje oitenta anos. Começamos nossa amizade há mais de sessenta anos, nos jantares na 105 Sul, quando o Dr. Anor Butler Maciel e sua querida Beta nos reunia sempre com o chef Galhardi. De lá para cá estivemos sempre juntos, em momentos alegres e tristes, com seus cinco irmãos, Caco, Guncho, Teresa, Guido e Viviana, e com o pai, Butler Maciel, com seu cachimbo e seu whisky ao lado.
Zé começou como advogado com uma salinha no Conjunto Nacional com dois ou três casos, e atualmente é o maior advogado trabalhista do Brasil, com mais de quarenta mil processos.
Nessa área jurídica foi presidente do Instituto dos Advogados e diretor da Academia Brasileira de Direito do Trabalho. Como presidente do Iate fez com Onísio Ludovico a sede principal do clube. É Cidadão Honorário de Brasília e da Academia Brasiliense de letras.
Mas Zé Maciel, nesses oitenta anos, não parou só nisso. Pintou mais de trezentos quadros, participando de exposições. Escreveu mais de cinquenta livros, sendo que um deles, de direito, bateu o recorde mundial de vendas. Está incluído em livro de Cambridge como uma das duas mil personalidades do século XX, e nas horas vagas toca bateria.
Considera-se realizado ao lado de Mônica, com quem é casado há trinta e três anos, dos seis filhos, oito netos e um bisneto.
Perguntei a ele o que estava achando de ficar velho, chegando aos oitenta.
Respondeu que agora está pintando árvores e pedras, mas quando ficar velho me dirá o que acha, pois não existe velhice numérica.
Feliz aniversário, meu querido e grande amigo!

Mônica e o querido aniversariante

Zé Maciel e os irmãos, Guido, Teresa, Caco, Viviana e
Guncho ladeando os pais, Dr. Anor e Beta

José Maciel, ao lado de sua Mônica, cercado dos filhos, nora, genros e sogra

Os netos, José Vitório, João Henrique, Nicolas, Rudah,
Maria Paula, Raissa, Nina e Melissa, e o bisneto Ravi